in

Funcionária de banco de esperma engravida por não lavar bem as mãos

Mais um caso verdadeiramente insólito, e este teve lugar bem perto de Portugal. Foi em Badajoz que uma funcionária de um banco de esperma acabou por engravidar de uma maneira insólita.

Consta-se que Julia Murillo, que já trabalhava no banco de esperma em questão há alguns anos, esteve a guardar algumas amostras de sémen e acabou por sujar um pouco as mãos com o fluido em questão – afinal, acidentes no trabalho acontecem a toda a gente.

Julia, ainda com as mãos pegajosas, ainda não tinha lavado as mãos e quando olhou para o computador que tinha à sua frente, viu uma publicidade daquelas duvidosas que dizia “aumente o seu pénis 15 centímetros em apenas 2 dias”, onde acompanhado da legenda aparecia um grande e farto mastro.

Acontece que ela começou a sentir os calores e, com muita excitação, teve de ir à casa de banho masturbar-se. Depois de uns minutos de muita fuçanga na casa de banho, ela voltou satisfeita da vida ao seu trabalho. De referir que quando se dirigiu à casa de banho, ainda não tinha lavado as mãos.

O problema veio umas semanas depois: Julia Murillo, que estava solteira e nem tão pouco tinha uma vida sexual ativa, acabou por ficar grávida! Quando foi confirmar e ver quem era o pai, constatou que a culpa tinha sido daquele dia fatídico onde se foi masturbar para a casa de banho ainda com as mãos sujas de sémen.

Ela veio a saber que o pai do seu filho é oriundo da Costa do Marfim e se chama Djourou. Apesar do desastre, Julia planeia manter o filho…

Nota: Artigo fictício/satírico/humorístico. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional.