in

Homem é mordido depois de ter pedido a passageiro para colocar máscara no autocarro

Um homem irlandês que vive na Bélgica alega afirma que foi mordido por um passageiro no autocarro onde estava depois de lhe ter pedido cordialmente que colocasse a sua máscara.

BETANO OFERTA 5€ GRÁTIS

Robert Murphy, de 56 anos de idade, foi mordido no peito duas vezes pelo homem em questão durante o conflito e explicou à imprensa local: “Eu só pedi ao homem que utilizasse a máscara dele em condições…”

De acordo com o que reportou o AD Media, Murphy estava sentado no autocarro quando ouviu um homem a espirrar atrás dele, tendo sentido gotículas na nuca. Ele pediu ao homem que pelo menos “se virasse para outro lado” se fazia intenções de espirrar e o passageiro pediu desculpa.

Depois, um casal entrou no autocarro e sentou-se à frente de Murphy. A máscara deles estava colocada debaixo dos seus queixos e Murphy perguntou se eles podiam tapar a boca e o nariz com ela, sendo que foi aí que o problema começou.

O homem recusou-se a fazê-lo e daí às mordidelas não demorou muito tempo…

O suspeito alegadamente atacou Murphy depois de o ter insultado, tendo-o chamado de “c*brão” e de “atrasado mental”.

Murphy disse à imprensa: “Tentei libertar-me mas tenho alguns problemas a nível motor por isso não consegui. Ele atacou-me no peito e mordeu-me. Não conseguia acreditar. Parecia mesmo um cão raivoso”.

Acabaram por ser outros passageiros a colocar um ponto final nos desacatos mas consta-se que Murphy recorreu mesmo ao hospital para ser tratado.

Felizmente, o homem de 38 anos que o mordeu e a sua companheira já foram identificados pelas autoridades.