Homem levou erva até à polícia para se queixar da qualidade da mesma

Homem levou erva até à polícia para se queixar da qualidade da mesma

E se te dissermos que um homem irlandês decidiu levar a erva que havia adquirido até às autoridades para se queixar da qualidade da mesma? Parece-te um motivo forte o suficiente para fazer a polícia esquecer-se da ilegalidade cometida?

Arthur Liwembe teve mesmo problemas com a justiça pela façanha, isto depois de se ter apresentado na esquadra de Kilmainham Garda com um saco de cannabis avaliado em 10 euros…

De acordo com o que reporta o Independent, Liwembe disse às autoridades que a erva em questão “não era de boa qualidade” e que “não estava satisfeito com a sua compra”.

Não sabemos bem o que é que ele esperava com aquela espécie de desabafo com a polícia. Será que estava à espera que os agentes da autoridade experimentassem a droga para confirmarem a veracidade das suas afirmações? O que sabemos foi que ele acabou por ser investigado e imediatamente detido.

Em tribunal, o juiz John Hughes disse que o comportamento de Liwembe foi “pouco lógico, no mínimo”. Não dá para negar.

Muita informação para processar.