Homem mata a companheira e suicida-se depois de temer que ambos tivessem apanhado COVID-19

Um homem paranóico oriundo de Illinois alegadamente matou a sua namorada, tendo-se suicidado de seguida, depois de ter acreditado falsamente que ambos tivessem apanhado a COVID-19.

De acordo com o que reportou o ABC News, Patrick Jesernik e a sua companheira Cheryl Schriefer, que eventualmente testaram negativo para o coronavírus, foram encontrados pelas autoridades dentro de suas casas em Lockport Township, Chicago. Consta-se que a polícia descobriu os corpos de Schriefer e Jesernik na tentativa os contactar para saber se estava tudo bem.

Os seus corpos foram encontrados em quartos separados na residência, cada um com uma marca de bala. Os investigadores acabaram por encontrar um revólver com três balas perto do corpo de Jesernik e foi mesmo o homem a disparar primeiro contra a companheira e posteriormente contra si mesmo.

Familiares disseram à polícia que Schriefer se tinha tornado paranóico devido ao vírus nas últimas semanas, e que tudo piorou depois de ter desenvolvido problemas respiratórios.

Fonte: DailyMail

OFERTA 5€ COM O CÓDIGO: GRATIS5 ⤵️