in

Mulher afirma ser a DONA DO SOL e planeia começar a cobrar às pessoas pela utilização do mesmo

Ele está em cima de nós, à vista de literalmente toda a gente, há biliões de anos e até à data, nunca ninguém se tinha lembrado do seu potencial e do quanto seria possível capitalizar com isso.

BETANO OFERTA 5€ GRÁTIS

Agora, uma mulher espanhola, oriunda da Galiza, decidiu que é a proprietária do sul e tem papéis que o constatam oficialmente. Angeles Duran, de 49 anos de idade, diz que o sol pertence-lhe oficialmente, uma vez que ela decidiu registar o corpo celestial em seu nome num notário…

A Sra. Duran disse à edição online do jornal El Mundo que se chegou à frente no mês de setembro, depois de ter lido acerca de um homem americano que se decidiu registar como o dono da lua e de grande parte dos planetas do nosso sistema solar.

Existe um acordo internacional que afirma que nenhum país pode reclamar a propriedade de um planeta ou de uma estrela mas bem, nesse acordo não há nada a especificar que um indivíduo não pode tomar essa posse. A mulher dsse: “Não havia nada a impedir-me, por isso tudo o que fiz, foi legal. Não sou estúpida nenhuma e conheço a lei”.

O documento tratado no notário declara a Sra. Duran como a “dona do Sol, uma estrela do tipo espectral G2, localizada no centro do sistema solar, localizado a uma distância média da Terra de cerca de 149,600,000 quilómetros”.

A mulher, que vive na cidade de Salvaterra do Minho, diz que agora quer mesmo cobrar uma taxa a todas as pessoas que utilizem o sol, sendo que metade dessa taxa seria dada ao governo espanhol e 20% seria para um plano de poupança para a nação.

Depois, dedicaria 10% a investigação, mais 10% para acabar com a fome no mundo e ficava com os 10% remanescentes. Ela disse: “É altura de começar a fazer as coisas de forma correcta. Se existe uma ideia para gerar lucro e melhorar a economia e o bem-estar das pessoas, porque não executá-la?”

Preparem-se…