in

Mulher chama a polícia por homem ter escrito “Black Lives Matter” na sua própria parede

Foi em San Francisco que um homem disse que um casal caucasiano chamou as autoridades porque ele decidiu escrever “Black Lives Matter” na sua própria parede. De acordo com o que reportou o ABC7, James Juanillo identifica-se como uma pessoa de cor e quis mostrar solidariedade para com o movimento Black Lives Matter, tendo decidido assim escrever a frase na parede da sua própria propriedade.

Acontece que um vídeo colocado nas redes sociais por Juanillo mostra um casal caucasiano a aproximar-se dele enquanto ele marcava a sua propriedade e a pedirem repetidamente se ele vivia no edifício em questão ou não.

Confere a interacção:

No vídeo, o casal, Lisa e Robert, dizem que estão a perguntar porque sabem que Juanillo não vive na propriedade e assim, não tem o direito legal de escrever mensagens na parede. No entanto, isto revelou-se mentira, porque Juanillo vivia efectivamente naquela casa. Depois de uma discussão tensa, o casal disse ao homem que iam chamar a polícia, e assim o fizeram.

Apesar de ter dado apenas o seu primeiro nome no vídeo, muitos utilizadores das redes sociais afirmaram que a mulher do vídeo é Lisa Alexander, a CEO da LAFACE Skincare e com isto, o Twitter tem sido inundado de mensagens dirigidas especificamente a ela:

Em entrevista ao NBC Bay Area, Juanillo partilhou o que o vídeo não mostra: “O que o vídeo no Twitter não mostra é que 95% dos residentes e vizinhos apoiaram-me, fizeram contacto visual e sorriram ou passaram por perto e agradeceram. Precisamos todos de lutar contra isto. Quando vês racismo…fala”.