Mulher é convidada a sair de restaurante por usar roupa "muito provocante"

Mulher é convidada a sair de restaurante por usar roupa “muito provocante”

Uma mulher, que se encontrava com o marido num restaurante em Erie, Pensilvânia, foi mesmo convidada a sair do restaurante, supostamente por estar a utilizar uma roupa “demasiado provocante”. Sueretta Emke, que estava de top e calções, encontrava-se a caminho do buffet quando foi abordada pelo gerente do espaço.

O gerente do Golden Corral, espaço em questão, argumentou ter recebido uma queixa de uma outra cliente. Eis o que escreveu a mulher nas suas redes sociais: “Levantei-me para ir buscar comida e o gerente abordou-me a dizer que eu estava vestida de forma muito provocante. Ele pediu-me que eu me tapasse ou que abandonasse o local”…

A mulher explicou que demorou uma hora até chegar ao restaurante e que não tinha casaco nenhum para se vestir. Segundo ela, o gerente não pareceu estar muito importado. Foi aí que ela decidiu perguntar o que é que estava errado especificamente com a sua roupa, mas o gerente foi “evasivo”.

A discussão ficou mais acalorada e, sentindo-se humilhada, a cliente resolveu deixar o Golden Corral. No Facebook, Sueretta declarou acreditar que o problema não foi exatamente a roupa mas sim ela estar a utilizar aquela roupa com o seu peso.

O que dizer da situação?