Mulher insere mola na vagina como método contraceptivo

Uma mulher de 31 anos de idade inseriu uma mola de metal na vagina, acreditando que a mesma serviria como método contraceptivo. Fu Junhong, ginecologista de um hospital em Minzhong, explicou que atendeu uma paciente, cuja identidade permaneceu anónima, que lhe explicou acreditar que a mola que tinha introduzido na vagina agiria como um DIU, impedindo-a assim de engravidar.

Confere…

Curiosamente, a paciente apresentou-se grávida ao hospital, isto no fim do mês de julho. Para ser mais preciso, ela estava no quinto mês de gravidez. Um raio-X feito à paciente fez a descoberta da presença da mola na sua vagina: “Ela veio ao hospital para realizar um aborto”, afirmou o médico.

A mola teve que ser cirurgicamente removida – aro por aro. O procedimento demorou cerca 40 minutos e não se ficou a saber se a mulher acabou por ser submetida a um aborto ou não.

Wow.

OFERTA 5€ COM O CÓDIGO: GRATIS5 ⤵️