Mulher tenta escalar o Everest para provar que os Vegans são capazes de tudo e morre

Mulher tenta escalar o Everest para provar que os Vegans são capazes de tudo e morre

Uma mulher australiana decidiu mesmo escalar o Monte Everest para provar que “os vegans conseguem fazer tudo”. Infelizmente, ela acabou por morrer depois de desenvolver hipobaropatia, também conhecida como “doença das alturas”.

Marya Strydom, de 34 anos, tinha chegado bem alto até que, em conjunto com o seu marido, começaram a sofrer de edema pulmonar de grande altitude. O seu marido sobreviveu e foi levado até um hospital no Nepal para tratamento, de acordo com o que reporta o Sydney Morning Herald.

Strydom queria escalar a montanha para provar que o conseguia fazer mesmo a seguir uma dieta vegan. Aparentemente, ela dizia que “as pessoas têm ideia de que uma dieta vegan nos deixa mais fracos”. Para contrariar isso, quis escalar o Everest.

Mais duas pessoas morreram, incluindo Eric Arnold, de 36 anos, que fazia parte do grupo que aceitou o desafio, e Phurba Sherpa, de 25 anos de idade. Mais de 30 pessoas do grupo ficaram doentes e alguns deles em situação crítica…