in

Nélson Évora bate Pichardo e vence a medalha de ouro para Maior Mangalho

 

No rescaldo dos Jogos Olímpicos de Tóqui 2020, muito se pode falar da boa prestação dos atletas e de toda a comitiva portuguesa, mas a verdade é que entre vitórias e medalhas, também correu muita água e provocações.

Pedro Pichardo conseguiu uma proeza incrível ao vencer o título Olímpico do triplo salto com uma marca de 17,98 metros, mais 41 centímetros do que o 2º. classificado Zhu Yaming, tendo assim trazido o ouro para Portugal.

Acontece que existiu uma polémica entre Pichardo e Nélson Évora, sendo que na hora do adeus aos Jogos Olímpicos, e lesionado, Nelson Évora lamentou não ter sido cumprimentado por Pedro Pichardo. O agora campeão olímpico disse sem problemas que “[Nélson Évora] há anos que fala de mim e não respondo”, tendo no final perguntado: “[Nélson Évora] já ganhou tudo, porque não me deixa a mim fazer a minha carreira?”

A verdade é que recentemente, uma competição direta entre ambos foi criada em vários fóruns da internet, sendo esta relativa ao Maior Mangalho. E neste campo, Nélson Évora tem por onde se gabar, porque ele conseguiu o ouro.

Perceber o motivo não é difícil, sendo que muitos cibernautas recorreram a várias fotografias existentes para coroar um vencedor…

É possível que nesta área em específico, Pichardo tenha de nascer outra vez para fazer jus ao seu nome.

Nota: Artigo fictício/satírico/humorístico. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional.