in

Ninfomaníaca de 21 anos perseguiu centenas de homens na casa de banho dos homens para poder pinar

Uma antiga estudante da Universidade de Cincinnati acabou por ser detida depois das queixas de imensos homens nos últimos meses. Acontece que Alexandra Fox, de 21 anos de idade, perseguiu, violou e até estrangulou centenas de homens com uma técnica muito própria.

A jovem, que é completamente ninfomaníaca, tinha por hábito esconder-se na casa de banho dos homens do cinema Danbarry Dollar Saver, dentro de um shopping em Cincinnati. Assim, ela conseguia perseguir os homens e eventualmente acabava por fazer sexo com eles – muitas vezes sem que eles o consentissem – múltiplas vezes.

Uma das vítimas falou com a imprensa local: “Disse-lhe 20 vezes que era homossexual mas ela continuava a meter-me a mão dentro das calças e a segurar-me no pénis”.

Consta-se que muitas vítimas também foram atacadas enquanto utilizavam os urinóis. Eis o depoimento de um empregado do shopping onde tudo acontecia: “Estava a utilizar o urinol e de repente alguém me pega no pénis de repente. Enquanto eu estava a mijar, ela tentou mesmo metê-lo na boca…”

Muitas vítimas afirmaram que os ataques eram feitos às escuras em pleno cinema, ou até com as luzes da casa de banho dos homens desligada.

“Estava a ver um filme com a minha mulher e com os meus filhos até ao momento em que senti uma mão a descer-me para as calças. A certo ponto, meteram-me mesmo alguns dedos no ânus. Senti-me indefeso, não pude fazer nada. Ia arruinar o filme a toda a gente”, admitiu um homem, em lágrimas.

Consta-se que, quando foi detida, Fox também ofereceu sexo oral aos dois polícias presentes em troca da sua liberdade…

Nota: Artigo fictício/satírico/humorístico. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional.