in

Pai encontra píton de 4,5 metros a tentar arrastar o seu filho

Foi na Austrália (que surpresa, certo?) que um pai teve de se apressar para salvar o seu filho, quando se percebeu que a criança estava a ser arrastada por uma píton com cerca de 4,5 metros de comprimento. Evan Thompson estava a relaxar com uns amigos no quintal de sua casa em Airlie Beach, Queensland, quando o incidente ocorreu.

O grupo estava a relaxar depois de um dia de piscina e ficou em sobressalto quando o filho de Evan começou a gritar – quando foram ver o que se passava, constataram que a criança tinha uma píton gigante presa à perna dele e a tentar arrastá-lo.

 

Em conversa sobre o incidente à 7News, o pai disse: “Ouvi o meu filho a gritar e foi lá rápido ver o que se passava. Era uma cobra enorme. A sua cabeça era gigante e ela estava colada à perna dele”. Evan utilizou o seu instinto e foi a correr em direcção ao réptil, tendo-lhe dado um murro diretamente na cabeça. Isto foi eficaz na medida em que a píton largou o seu filho mas a cobra não desistiu…

Ele continuou a explicar: “Ela largou-o, o que foi bom. Mas assim que isso aconteceu, ele voltou ao ataque e mordeu-o na parte de cima da perna. Foi aí que o pai decidiu agarrar na mandíbula da cobra e apertá-la o máximo que conseguisse. Evan explicou que a cabeça do réptil “saltou” e que eventualmente, os amigos dele chegaram e conseguiram matar o animal.

Clifford, o filho, foi levado para o hospital depois do incidente e está agora a recuperar…

Esperemos que melhore!