Pastor que afirmou que “Deus é maior do que a COVID-19” falece de COVID-19


O pastor Gerald Glenn, de uma igreja evangelista na Virginia, faleceu de acordo com um comunicado feito pela própria igreja. Consta-se que Glenn testou positivo para o coronavírus, de acordo com o que reportou a sua filha Mar-Gerie Crawley nas redes sociais.


Apesar dos avisos da entidades de saúde para as pessoas evitarem ajuntamentos e manter o distanciamento social, Glenn disse num sermão dado a 22 de março algo como: “Acredito firmemente que Deus é maior do que este vírus”, tendo anunciado de seguida que não tinha medo de falecer. E no dia a seguir, as entidades responsáveis pelo estado de Virginia baniram os eventos públicos e privados com 10 pessoas ou mais.

No dia 5 de abril, a filha do padre, Glenn, publicou um vídeo a anunciar que o seu pai tinha testado positivo para o coronavírus. Mais tarde, foi a igreja a anunciar, através da sua página oficial no Facebook, que o padre tinha acabado por falecer com COVID-19.