Restaurante faz lagostas apanharem uma moca de erva antes de as cozinharem

Restaurante faz lagostas apanharem uma moca de erva antes de as cozinharem

O mundo está certamente a mudar, sendo que as pessoas felizmente já procuram por maneiras mais respeitadoras de lidar com os animais. Agora, um restaurante em Maine está a tentar “acalmar” as lagostas antes de as mesmas serem cozinhadas. E como tal, os responsáveis fazem com que as mesmas apanhem uma moca de erva antes de confeccionarem…

Charlotte Gill é a dona do Charlotte’s Legendary Lobster Pound, em Maine, onde as lagostas são colocadas em água numa infusão com marijuana. Gill acredita que essa água “especial” consegue sedar os crustáceos antes de eles serem cozinhados – de acordo com ela, é uma forma “mais humana de cozinhar lagosta”.

Gill veio com esta ideia de sedar as lagostas depois de ler alguns estudos que afirmavam que os crustáceos sentiam dores absurdas quando eram colocados em água a ferver. “Sinto-me mal porque quando as lagostas vêm cá parar, não existe uma estratégia de saída”, disse à imprensa.

De forma interessante, e apesar desta estranha sedação, não existem quaisquer provas científicas que mostrem que uma infusão de marijuana consegue realmente “acalmar” as lagostas.

O que dizer?