in

Vegan detida por violar courgette no LIDL

Não sabemos bem o que se anda a passar com a malta do veganismo. Depois de há bem pouco tempo termos visto a notícia de uma mulher que se quis entregar às autoridades por supostamente ter assassinado uma alface (ver AQUI), acontece que na Pontinha, em Odivelas, uma vegan acabou por ser detida por atentado ao pudor público em pleno LIDL.

Andreia estava tranquilamente às compras no supermercado em questão quando, de repente, ao passar pela zona das courgettes, diz ter sentido uma necessidade súbita de a violar. Assim, pegou na courgette e introduziu-a por inúmeras vezes na sua cavidade vaginal.

As pessoas à volta estavam assustadas mas nenhuma lhe disse uma única palavra, ainda que todos tivessem assistido àquela violação da parte dela. Eventualmente, a segurança acabou por chegar para parar com tudo aquilo, sendo que Andreia já nem a saia tinha vestida a dada altura.

A polícia foi chamada e Andreia terá de pagar uma coima pelo que fez. A haver um prémio de melhor vegan, talvez ela não fosse candidata a vencer…

Nota: Artigo fictício/satírico/humorístico. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional.